Vítimas do Kenneth regressam aos locais de risco

As vítimas do ciclone Kenneth na cidade de Pemba, querem voltar às suas casas o mais rápido possível, supostamente devido a falta de conforto nos centros de reassentamento alegadamente por estarem a dormir no chão e sem redes mosquiteiras.
A preocupação foi apresentada ao Primeiro-ministro, durante a sua visita aos afectados.
O Primeiro-ministro reconheceu a preocupação dos afectados, e prometeu transferir as famílias a partir da segunda-feira próxima.
Em Pemba, foram abertos centros 11 de acomodação, que albergadas cerca de 16 mil pessoas, que haviam sido retiradas das zonas de risco, antes do ciclone Kenneth atingir a província de Cabo Delgado.

Publicar um comentário